Lav Diaz, 2008, Filipinas, 441min, Mini-DV, 14 anos
Com Angeli Bayani, Perry Dizon e Roeder Camanag

Três personagens assumem diferentes identidades para escapar de uma vida de dor e sofrimento. Alberta vive uma prostituta relutante, Julian seu cafetão e Rina uma freira dedicada à caridade. Assim, eles diluem sua raiva. A causa do sofrimento de Alberta é revelada: seu marido Renato, um ativista de esquerda, participou de uma guerra sangrenta em busca de seus ideais e desapareceu. Prêmio Orizzonti no Festival de Veneza de 2008.

SP: 17 Jun

RJ: 30 Jun

DF: 16 Jul / 27 Jul